Balanço de corda

/
0 Comments


    As vezes me sinto como se estivesse em um lugar muito alto,prestes a despencar.Até chego a ver os momentos importantes da minha vida,passando em rápidas imagens em minha caixinha de lembranças.A melhor parte disso,é que você está em boa parte delas.
   Você está na lembrança de uma noite fria em que as lágrimas desabaram,e também na lembrança daquela primavera em que passamos a tarde tirando fotos e jogando papo fora.Então eu despenco do lugar alto,começo a cair,em direção ao nada,mas o que não posso explicar é o porque de não ser uma sensação ruim.Cair desse lugar é como brincar em um balanço de corda,o frio na barriga é tão bom a medida que a distancia aumenta que não sinto medo,mas não sei onde isso vai me levar.
   Jurei para mim mesma que já tinha te esquecido e que iria esquecer,mas então eu me lembro que você é responsável por todos os meus sorrisos bonitos,e pelo brilho dos meus olhos no momento em que te vejo.Eu achava que era aquele tipo de coisa  passageira,mas você é o tipo de pessoa que deixe uma marca na vida dos outros,com seu jeito de ser,seu sorriso,e o modo como vê a vida.

  E cá estou eu outra vez,caindo e caindo,pulei de ponta cabeça,sem lembrar-me que o coração alheio é uma piscina muito rasa para dar um mergulho parecido com esse.Mas agora eu vejo,que não tenho um lugar para segurar,nem apoiar,estou caindo,desafiando as leis que me mandam sair daqui antes que seja tarde,e mesmo que eu saiba que isso pode não passar de um sonho eu não quero acordar.Meu mundo dos sonhos é legal,eu gosto de viver lá.Tem cheiro de chuva de verão,e gosto de chocolate.Onde isso vai me levar,eu não sei,só sei que não posso me controlar nem me conter,simplesmente nem vou tentar.Eu gosto da sensação de poder te alcançar um dia.
~Gabby L.R~


You may also like

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.